/noticia/150/promovendo_qualidade_de_vida

Notícias

Promovendo qualidade de vida

Projeto Cora investe em tratamento e estimula o bem-estar social de crianças e adolescentes com autismo

08/10/2018 Promovendo qualidade de vida

Caracterizado como um distúrbio neurológico que compromete a interação social, o autismo pode durar a vida toda. Focado em melhorar o tratamento e a saúde de pessoas que sofrem com tal diagnóstico, o Centro de Otimização para Reabilitação do Autista (Cora) aumenta a cada ano seus investimentos em terapias e projetos de conscientização da sociedade sobre o transtorno. Além das famílias beneficiadas pelas novas terapias, os eventos de conscientização de pessoas auxiliam na construção de uma nova identidade social para o autista e incentiva o respeito à diferença.

Crescimento constante

O evento criado com o intuito de sensibilizar o público, chamado Concerto Azul, reuniu, neste ano, 785 pessoas no Teatro Miguel Falabella, no Rio de Janeiro. O intuito do concerto é demonstrar o potencial de crianças e jovens com autismo, através da música e outras artes. Michele Senra, presidente do Cora, recebeu a condecoração da vereadora Tânia Bastos durante o evento, em virtude do trabalho desempenhado pelo projeto social. Representantes da Subsecretaria da Pessoa com Deficiência também estavam entre os presentes na cerimônia. 

Outra preocupação do Cora é a melhoria das instalações. A reforma das salas, tornando-as flexíveis para a realização de mais de uma terapia por dia, tem sido uma das prioridades da organização. Equipamentos para o aprimoramento das aulas, como espaldar, materiais de arte e balanços, também foram adquiridos pela equipe. 

De acordo com Michele Senra, além de melhorar as instalações, investir em terapias que possam capacitar cada vez mais às pessoas assistidas é de suma relevância. “Levando em consideração as demandas apresentadas pelo público-alvo do projeto, queremos expandir a oferta de atendimentos especializados por meio da contratação de novos profissionais, ampliação de carga horária, bem como ampliar as terapias especializadas, incluindo, além das já oferecidas, a Psicopedagogia, Terapia Ocupacional e atividades esportivas, consideradas fundamentais na promoção do acesso e permanência de pessoas com autismo nos espaços de escolarização e formação profissional”, declara.

Atualmente, o acompanhamento terapêutico é feito no Cora com Fonoaudiologia, Psicologia, psicomotricidade e arteterapia como principais especialidades. Até o momento, 40 crianças e adolescentes são atendidas pelo projeto. Entretanto, segundo a equipe da organização, a fila de pessoas em espera de atendimento é de aproximadamente 100 pessoas. 

Michele Senra enfatiza a importância do apoio da Associação Vitória em Cristo para dar continuidade ao Cora e auxiliar no atendimento do maior número possível de pessoas: “Sem o apoio da Associação Vitória em Cristo o projeto não teria como continuar, pois neste momento de crise, famílias não tem amparo para um tratamento de qualidade. Graças às doações da Avec, estamos conseguindo ajudar famílias”.

Angelica Ribeiro, mãe de uma das crianças beneficiadas, também ressalta a importância da parceria entre a Avec e o Cora para o tratamento e melhora contínua de sua filha. “Quando a minha filha entrou para o projeto, quase não falava palavras que pudéssemos entender. Hoje em dia, ela fala muitas palavras e também canta muitas músicas. Sua concentração, coordenação motora fina, sua interação com o outro e a aceitação da palavra não, que para o autista é uma grande dificuldade, vem melhorando gradativamente”, afirma ela
 

Copyright © Associação Vitória em Cristo 1982 - 2017. Todos os direitos reservados