/noticia/244/uma-vida-de-prosperidade

Notícias

Uma vida de prosperidade

“A prosperidade é um tema bastante abordado pela Bíblia e, examinando suas páginas, encontramos muitas pessoas que prosperaram”, diz Pr. Silas Malafaia

23/09/2019 Uma vida de prosperidade

Todos nós almejamos um futuro próspero. Esse é um desejo comum à grande maioria as pessoas. Entretanto, antes de começarmos a analisar a questão da prosperidade, existem algumas perguntas que gostaria de fazer.

Você quer que durante toda a sua vida não falte pão, roupa e nem teto para si e sua família? Quer ter o suficiente para viver e ainda sobrar para ajudar as pessoas necessitadas? Quer que a sua descendência, seus filhos, seus netos, vivam sem que precisem pedir aqui ou acolá durante a existência deles?

Saiba que só existe uma lei, na Bíblia, que pode tornar isso possível. Não são duas, nem dez, mas apenas uma: é a Lei da liberalidade. Nela está a receita de Deus para que tenhamos uma vida de prosperidade.

Mas, o que é prosperidade? É a qualidade de alguém que é “afortunado, bem-sucedido, venturoso”. A prosperidade é um tema bastante abordado pela Bíblia e, examinando suas páginas, encontramos muitas pessoas que prosperaram.

Deus trata Seus filhos de maneira igual e quer abençoar a todos. Quando o Senhor fez aliança com o Seu povo um dos versículos destacados foi: Guardai, pois, as palavras deste concerto e cumpri-as para que prospereis em tudo quanto fizerdes (Deuteronômio 29.9).

Todos os servos do Senhor que prosperaram tiveram uma vida difícil. A prosperidade dos homens de Deus, na sua maioria, foi conseguida com muito esforço. Antes de prosperar, Jacó passou por momentos difíceis, como vemos em Gênesis, capítulos 27 a 30. Jacó era neto de um homem muito rico, mas não herdou a prosperidade do avô; ele teve que buscá-la, e Deus abençoou a sua fé e a sua luta por uma vida melhor.

Ao falarmos em prosperidade segundo a visão de Deus, estamos nos referindo a um tipo de prosperidade desconhecido da maioria do povo desse mundo. Existem pessoas que possuem muitos bens e riquezas e, de acordo com o sistema de avaliação comum nesse mundo, elas são consideradas prósperas, bem-sucedidas. Mas o padrão divino de prosperidade é diferente. Deus afirma, em Sua Palavra, que existe outra forma de avaliar o que é ser próspero.

Em Lucas 12.13-21, Jesus conta a parábola de um homem muito rico, mas que não era próspero espiritualmente. O homem era muito aplicado no que fazia e, consequentemente, era muito produtivo em construir, plantar e em ordenar as coisas.

Por isso seus bens se multiplicaram, e agora ele precisava construir mais armazéns.

O grande defeito desse homem era não zelar pela sua alma e julgar que ela se alimentaria e teria prazer nos bens materiais. Porém, o julgamento de Deus veio com a seguinte sentença: Louco, esta noite te pedirão a tua alma, e o que tens preparado para quem será? (Lucas 12.20). Deus chama de loucos todos que ajuntam riquezas e não se interessam em ser ricos no relacionamento com Ele.

Ser próspero, segundo o planejamento de Deus, é muito mais do que semear financeiramente em Seu reino; é abraçar um estilo de vida e praticar uma devoção sincera e contínua ao Senhor. Quando conhecemos a prosperidade de Deus, passamos a viver abençoados por ela: A bênção do SENHOR é que enriquece, e ele não acrescenta dores (Provérbios 10.22).

Copyright © Associação Vitória em Cristo 1982 - 2017. Todos os direitos reservados

AGUARDE