/noticia/651/elizete-malafaia---celebre-a-vida-

Notícias

Elizete Malafaia: "Celebre a vida"

Na Revista Fiel de novembro, a pastora Elizete compartilhou uma mensagem sobre o Dia de Finados, comemorado no dia 02/11

02/11/2023 Elizete Malafaia:

No dia 2 de novembro, em muitos lugares, multidões fazem homenagens a seus parentes e amigos que já faleceram. É o Dia de Finados, comemoração que teve origem na crença de que rezas dirigidas a Deus em favor dos mortos poderiam aliviar os sofrimentos que estes tivessem no além.

Isso contraria a Bíblia, onde é dito que nada que façamos pelos mortos poderá alterar o estado em que se encontram. Lemos isso em Lucas 16.19-31, na parábola do rico e de Lázaro. Da mesma forma, o mundo dos mortos não tem poder nem autoridade para intervir no mundo dos vivos.

Ninguém nunca voltou para contar as experiências que teve com a morte ou explicar como é a vida além, porém todos concordam com uma coisa: o momento da morte é triste e indesejável, por causa da separação.

Até mesmo alguns crentes que dizem almejar entrar pelos portais da glória para descansar eternamente, temem enfrentar a morte. Mas se nos mantivermos fiéis aos mandamentos do Senhor, haveremos de desfrutar do cumprimento da maravilhosa promessa bíblica de morar no céu.

As Escrituras Sagradas dizem que, para o sábio, o caminho da vida é para cima, para que ele se desvie do inferno que está embaixo (Provérbios 15.24). Deus vela cuidadosamente pela vida dos que são Dele. Jesus Cristo venceu a morte e nos concedeu a alegria da vida eterna. Nós, como cristãos, devemos considerar a morte uma bênção de Deus para a nossa vida, pois ela representa maior proximidade com Cristo.

Ora, de um e outro lado, estou constrangido, tendo o desejo de partir e estar com Cristo, o que é incomparavelmente melhor.  Filipenses 1.23

Devemos pregar a palavra de salvação ao maior número de pessoas que pudermos alcançar, para livrar muitas almas de uma condenação eterna. Muitas pessoas até fazem orações para que os mortos possam ajudá-las, mas o único que pode realmente fazer diferença em sua vida é Jesus. Ele não está morto, mas vive e reina para sempre.

Porém, enquanto vivermos, devemos combater o bom combate, acabar a nossa carreira e guardar a fé (2 Timóteo 4.7).
 

POR ELIZETE MALAFAIA
Artigo da Revista Fiel - edição de novembro 2023

Copyright © Associação Vitória em Cristo 1982 - 2024. Todos os direitos reservados

AGUARDE