/noticia/82/casa_de_maquir

Notícias

Casa de Maquir

Instituição social, que atende dependentes químicos, conta com o apoio da Avec para oferecer tratamento a mais de 20 internos

18/06/2018 Casa de Maquir

Os projetos sociais apoiados pela Associação Vitória em Cristo propõem-se a promover uma mudança integral na vida das pessoas que assistem. A Casa de Maquir, uma instituição que atende dependentes químicos e recebe a contribuição mensal da Avec, trabalha pela restauração plena de seus pacientes.

Criada em 2015, pela terapeuta Suzana Pantaleão, a Casa de Maquir está localizada em Santa Cruz (RJ) e, atualmente, atende 25 homens. “Temos uma visão ampla e profunda da dependência química e buscamos prestar o melhor e mais completo tratamento aos nossos pacientes. Nosso espaço é simples, mas não abrimos mão do amor e da dignidade humana”, afirma a diretora Suzana.

Com base nas definições da Organização Mundial de Saúde (OMS), que afirma que a dependência química é uma doença, a instituição trabalha o paciente nas áreas física, emocional e espiritual, com o objetivo de reformular a sua vida por completo.

Tratamento

Na Casa de Maquir, o tratamento dura cerca de nove meses. Os três primeiros são em regime de internato. A primeira fase é de desintoxicação, conscientização da doença e da necessidade do tratamento.

A segunda etapa, de ressocialização, inclui a realização de cursos profissionalizantes e visitas à família. Após seis meses, o paciente passa por uma avaliação terapêutica para ver se é possível ter alta. Após a alta, ele volta uma vez por semana até completar o restante do tempo. A Casa de Maquir tem uma parceria com o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), do Governo Federal, para acompanhamento psiquiátrico quando necessário.

Na área espiritual, conta com o auxílio da Assembleia de Deus Vitória em Cristo da Barra da Tijuca, que todos os domingos envia um professor da Escola Dominical para ministrar o ensino bíblico. “Incentivamos e promovemos um amplo tratamento, porém, o apoio espiritual é fundamental para a recuperação do indivíduo. Digo para os internos que Deus age em cada vida de maneira diferente”, comenta Suzana, enfatizando a importância das palestras ministradas às famílias uma vez por mês. Segundo ela, há casos em que as questões relacionais e familiares contribuem para o envolvimento com as drogas.

Necessidades e desafios

Todo o trabalho na instituição é voluntário, inclusive com a colaboração de ex-internos. A área de saúde mental conta com o apoio de um psicólogo, um psicanalista e três terapeutas.

“Estamos nos estruturando para conseguir um título de utilidade pública, o que facilitará as doações e parcerias”, revela Suzana, acrescentando que o custo de cada interno é de mil reais.

Copyright © Associação Vitória em Cristo 1982 - 2017. Todos os direitos reservados